Stanley Kubrick conseguiu o que queria

Agora há pouco, quando voltei do almoço, havia uma orquestra tocando no saguão do térreo. Quando a porta automática se abriu, ouvi os acordes finais do Danúbio Azul.

É impressionante: instantaneamente, o pensamento que eu tinha na hora (e que esqueci qual era) foi substituído pela imagem de uma estação espacial em forma de roda, girando lentamente em órbita terrestre. É uma associação inevitável e impossível de se desfazer, gravada a fogo em meus bancos de memória.