Ironias matinais

Hoje cedo, a Globonews falava em uma certa greve de alunos da USP: os estudantes teriam ocupado o prédio da reitoria e as Forças da Ordem estariam promovendo reuniões para fazê-los sair. Segundo a notícia, houve uma ordem judicial de desocupação, que o Batalhão de Choque da PMESP estaria ávido por cumprir, mas, mesmo assim, a Polícia, a reitoria e a OAB estariam procurando uma solução diplomática.

A notícia seguinte começava assim: “em Ibiúna, interior de São Paulo, a Polícia prendeu uma quadrilha em uma chácara…”.

Não é possível. O editor de notícias da Globonews só pode ser uma pessoa da mais refinada ironia. Será que só eu percebi?