Talvez um disruptor assustasse mais

Saiu no Denver News: câmeras de vigilância flagram ladrão assaltando uma 7-Eleven com uma bat’leth. Exceto que não era uma bat’leth de verdade, mas uma miniatura.

O melhor são os comentários:

“A 7-Eleven tinha que mandar os caixas guardarem tribbles atrás do balcão para eventualidades como essa.”

“Sim, mas o grão não pode estar envenenado.”

“Essa é uma boa hora para a 7-Eleven usar borgs como seguranças. ‘We are the Borg. Robberies are futile. You will be assimilated into prison. Existence, as you know it, is over . From this time forward, you will service inmates in prison.'”

“This man shows no honor, and brings disgrace upon his family.”

“Aposto que havia bloodwine envolvido.”

“É uma pena ver que a crise abalou até o Império Klingon a ponto de recorrerem ao crime.”

“Isso já aconteceu no episódio 55. Acho que os romulanos estão envolvidos e deveriam ser investigados.”

“Today is a good day to rob!”

***
Apidêite

Alguns especialistas atentos denunciaram que não era realmente uma bat’leth, mas uma Valdris. Não era sequer uma arma klingon. Falha minha, pois eu deveria saber disso. Afinal, klingons não são manés.

EOF